terça-feira, 15 de maio de 2018

Meu Amor #CartasParaUmAlguém


Já faz tanto tempo que eu não escrevo para você.
Tantos sentimentos que hoje conversamos, discutimos e dividimos,
que as minhas cartas ficaram nas caixas empoeiradas.
Tantos sonhos, conquistas, desejos, medos.
Não preciso se quer de uma palavra, para que você me leia completamente
como sou, com todos os pontos e virgulas, que eu teimo em deixar em
silêncio.
Você com o jeito único, muitas vezes incompreendido, sabe exatamente
tudo sobre mim.
Eu fico muitas vezes perplexa de como dez anos de uma vida, podem mudar tanto
duas pessoas, sendo que muitas vidas ao nosso redor não mudaram depois de trinta ou quarenta
anos.
Só tenho a agradecer a tudo o que construímos juntos, a todo amor que temos um pelo outro,
a toda paciência, a todas as conversas, todos os medos divididos e sentidos juntos,
definitivamente a exatamente tudo, o que vivemos até hoje.
Obrigada 


Ana Floriano 

Nenhum comentário:

Postar um comentário